Cristiano, o cara do texto

A semana começou diferente – e mais alegre! – por aqui. Nesta segunda-feira, tivemos a satisfação de receber um novo colega na área de criação: o Cristiano Rocha, famoso pela alcunha de Goró.

O Goró vai ter a alegria de juntar-se aos talentosos profissionais de redação e revisão da D-SIGN (que são as pessoas mais bonitas, queridas, inteligentes, simpáticas, perspicazes e divertidas que se tem notícia).

Como parte do ritual de iniciação da agência, a vinda dele foi festejada com muita comida (até teria sobrado se o Vítor não tivesse acabado com os sanduíches, mas enfim).

blog_dsign_cris_01

blog_dsign_cris_02

blog_dsign_cris_07

blog_dsign_cris_03

blog_dsign_cris_04

blog_dsign_cris_05

blog_dsign_cris_08

Outra tradição, vocês já devem saber, é o questionário de apresentação do novato. Então, com vocês, o Cristiano por ele mesmo:

Nome completo: Cristiano Reis Rocha

Apelido: Goró

Formação: Publicitário

Tem curso de datilógrafo? Fiz por correspondência no Instituto Universal Brasileiro.

 Qual a sua letra preferida? Sempre gostei de fazer o R no caderno de caligrafia.

O que você acha das paroxítonas? As paroxítonas são perfeitas para você bancar o sabichão do português quando seus amigos têm dúvidas, é só dizer “capaz, não vai acento pois é paroxítona terminada em A”.

Você também acha que anúncio all type é bem mais legal? Anúncio legal sempre é o que tu gostaria de ter feito.

A palavra mais bonita de todos os tempos: amo todas as palavras palíndromos. Tenho mania doentia de ler de trás pra frente e associar números.

Quantas vírgulas você costuma usar por dia? Jogo com cautela, como o Juarez, até no aposto.

Você acredita que a ideia continua a mesma, mesmo depois que perdeu o acento? Ficou melhor pra quem escreve rápido.

Você namoraria com uma menina que escrevesse um e-mail dizendo “agente forma um belo casal”, ainda que se ela fosse muito bonita? Já cometi o erro de escrever a gente junto pelos outlooks da vida. Hoje não faço mais. Errar é do jogo.

O que você gostaria que fosse revisado no mundo: A mongolice.

 O correto é bem vindo, bem-vindo ou benvindo? Tenho um tio em Barbacena que se chama Benvindo.

Confesse: a sua música favorita na infância era o ABECEDÁRIO da Xuxa, né? Bah, sabia de cabeça. E não é zueira.

O que você pensa das pessoas que escrevem ‘excurção’? Devem ser esquecidas na volta da excursão.

Você já se pegou revisando pote de sorvete, embalagem de molho de tomate, pacote de salgadinho? Ainda não.

Lápis, caneta ou Word? Caneta e bloco.

Pra qual colega da D-SIGN você escreveria uma carta de amor? Primeiro tenho que conhecer melhor. Não sou tão fácil assim. Vale uma carta em metro pra todo mundo?

O que você gostaria que estivesse escrito em sua lápide: Não curto muito lápide e cemitério, mas se fosse preciso: “Esse viveu e amou o que fez.”

Uma mensagem para os colegas em 140 caracteres: Me receberam muito bem. Gente boníssima. #jiromba

Anúncios

1 Response to “Cristiano, o cara do texto”


  1. 1 Beto Muller 07/06/2013 às 15:05

    Seja bem-vindo Cristiano!
    Ficaram muito boas as fotos.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




Informe seu email para receber notificações de novos posts do blog da D-SIGN

Junte-se a 118 outros seguidores

Twitter D-SIGN


%d blogueiros gostam disto: